Fertilidade e Alimentação

Home » Alimentação » Fertilidade e Alimentação
Fertilidade e Alimentação

A alimentação, a necessidade de repouso, de sobrevivência e de reprodução, é essencial para a perpetuação da espécie humana e manter um hábito alimentar saudável é necessário para manter o organismo em equilíbrio.

“…O corpo humano é composto de elementos vindo do globo terrestre e para a manutenção de suas funções, ele precisa de quantidades específicas de substâncias químicas. Por exemplo, os ossos precisam de cálcio, o sangue precisa de ferro, os olhos de vitamina A. O ser humano necessita de oxigênio para respirar e água para todas as funções do organismo. Com esses elementos, o corpo humano desenvolve muitos processos químicos vitais para a sobrevivência: respiração, circulação sanguínea, eliminação de resíduos e assim por diante. A ausência de determinado elemento resulta em alterações químicas no organismo, podendo levar a vários problemas de saúde.
Não é lógico dizer que reprodução não tem ligação com alimentação. Como outras funções vitais de nosso corpo, a reprodução é, em parte, dependente das próprias vitaminas, minerais e outros nutrientes.
Alimentos e bebidas são realmente muito importantes para quem está tentando conceber e a melhora dos hábitos alimentares é necessária e deverá estar sob controle…”. (FERTILIDADE NATURAL: ALIMENTAÇÃO. Cap.:6, pág.33-40).

Para gerar um filho, serão necessários 50% de contribuição da mãe e 50% do pai. A somatória do óvulo e do espermatozoide irá determinar a formação do bebê. Além dos diversos fatores como os aspectos físicos, emocionais, ambientais, comportamentais, estresse oxidativo e doenças, os hábitos de vida pouco saudável, obesidade e desnutrição e as deficiências nutricionais ocasionadas por uma alimentação inadequada podem interferir na fertilização, atuando negativamente na produção do sêmen, em sua qualidade, quantidade e motilidade. Quanto mais saudável e equilibrado nutricionalmente os dois estiverem, maior será a hipótese de formar um bebê saudável.

Ingerir adequadamente em quantidade e qualidade nutrientes provindos de uma alimentação natural, assim com a sua regularidade em consumo, ingestão de líquidos, torna os mesmos mais disponíveis no organismo para a formação de hormônios (inclusive os sexuais), enzimas, neurotransmissores, células de defesa desempenhando ações anti-inflamatórias, antialérgicas, antioxidantes entre outros, que irá prevenir, alterações na formação e na função dos espermatozoides, óvulos e hormônios.

O corpo é feito de nutrientes obtidos através da ingestão de alimentos e esses nutrientes executam todas as funções do organismo. Portanto, a nutrição adequada se faz determinante desde a fertilização até a formação de indivíduos saudáveis para dar continuidade às próximas gerações, evitando seu comprometimento e ainda garantindo uma longevidade com qualidade de vida.

E quando falamos de alimentação, procure sempre um Nutricionista!

Beijos da Nutri!!!

Jéssica C. Cavalheiro
Nutricionista CRN3 / 41625

FONTE: Revista Nutrir+

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Contato





Nome

Email

Mensagem

Endereço

São José do Rio Preto

Rua Demétrio Elias Madi, 150/ Sala 8
São José do Rio Preto, SP

Tel: (17) 3022.0412
Whats (17) 99285.0216

Posts Recentes

Parceria

logo_prospecta